Por: Vinicius Zart

CREF: 014991 - G/RS

Coach e CEO ZartFit

24 de junho de 2015

8 min. de leitura

205 compart.

E aí? Acompanhando com atenção toda estratégia?

Caso não tenha visto os artigos dos pilares 1 e 2, sobre Planejamento Concreto e Métodos de Treinamento, respectivamente, aconselho que leia.

Uma estratégia só é efetiva quando prevê e organiza todos os aspectos que envolvem o objetivo.

Como o assunto principal dessa sequência de posts é estratégia e todos os seus elementos, trago novamente uma frase do estrategista, general e filósofo chinês, Sun Tzu, para nossa reflexão e analogia com os treinamentos. Aliás, ela serve perfeitamente para o tema do terceiro pilar.

“Conhecer o outro e conhecer a si mesmo; em cem batalhas nenhum perigo. Não conhecer o outro e conhecer a si mesmo; uma vitória para uma perda. Não conhecer o outro e não conhecer a si mesmo, em cada batalha, derrota certa.”

Sun Tzu

Captou? Conhecer a si mesmo é fundamental para tudo na vida: nos relacionamentos e no trabalho, para saber com qual estilo você se harmoniza e qual te dará prazer e felicidade; nos estudos, para saber qual a forma de ensino você absorve mais os conteúdos. Com os treinamentos físicos isso não é diferente.

Mentalidade Vencedora

Mentalidade Vencedoras 3º Pilar

Que diferença faz eu me conhecer para ter sucesso nos treinamentos? Toda! 

Começando pela primeira coisa que você decide quando vai começar a se exercitar: o que fazer.

Nos tempos atuais não existem centenas de possibilidades de exercícios, existem milhares! Milhares de modalidades esportivas, métodos de treinamento, formas e locais para fazer alguma atividade.

Portanto iniciamos o pilar Mentalidade Vencedora, já mudando uma forma de pensar que está comprometendo ou vai comprometer seus objetivos futuramente: “não tem o que fazer”. “É que eu tenho tal doença ou lesão, então não tem o que fazer”.

Ah, TEM SIM, algumas dúzias de opções de atividades, mesmo com alguma limitação bem significativa, isso eu posso te garantir!

Você não saber o que fazer é uma coisa. Não ter o que fazer, é outra bem diferente. Conhece o ditado: “quem quer arruma um jeito, quem não quer arruma uma desculpa?” Se acha que eu estou exagerando, assista à este vídeo:

Agora que você já sabe que o impossível é apenas uma questão de mentalidade e que existem muitas opções de atividades, voltamos à questão do que fazer.

Esse é um momento importante e faz diferença você se conhecer, pelo simples fato que ninguém permanece muito tempo em uma atividade que não gosta.

Por que se obrigar a ir a uma academia se você não gosta do ambiente ou das atividades oferecidas? Por que se obrigar a fazer algum esporte só porque está na moda?

Este é um momento de refletir sobre as coisas que você tem mais afinidade ou que tem interesse em aprender e ir atrás, pesquisar, descobrir outras modalidades esportivas e formas de se exercitar que atendam suas necessidades e anseios.

Mentalidade Vencedoras 3º Pilar

Fazer algo com prazer é a única forma de permanecer nela por muitos anos. E nada impede que depois de um tempo você procure outras atividades, caso tenha enjoado ou não tenha sido o que você esperava.

O importante é não acabar parando com tudo, por isso a reflexão proposta aqui é não se prender a algo que você não se sinta bem. Você deve primeiro agradar a sua mente, para consequentemente beneficiar o seu corpo.

Outro motivo importante de você se conhecer é em relação a continuidade nos treinamentos. Por mais que você faça algo que gosta, nem sempre as coisas acontecem como esperamos.

Seja na própria evolução da atividade, seja nos compromissos do dia a dia. Então identifique seus pontos fracos e pense em alternativas para quando surgirem essas situações.

Meu ponto fraco, por exemplo, que me faz perder totalmente a vontade de treinar nesse dia, é quando cometo algum erro, de trabalho ou pessoal, pois me cobro muito, então acabo me estressando.

Todos tem suas fraquezas, mas a questão é: o que você faz para contorná-las? Não faz nada? 

Se não fizer, elas vão controlar você. Se não fizer alguma coisa, elas vão afastá-lo cada vez mais dos seus sonhos.

E é exatamente nisso que eu me apego quando surgem essas situações, me apego nos meus sonhos. É a maneira que eu encontrei de contornar os problemas.

Meu sonho hoje é ajudar muitas pessoas a melhorar de vida, através da manutenção da saúde física e emocional. 

Mais especificamente, através da orientação nos exercícios e tudo que está relacionado, que é fundamental para a saúde. 

Não só devo orientar, mas também inspirá-las para que cultivem esse estilo de vida saudável e dar o exemplo. 

Portanto, quando me pego pensando nos erros, tento imediatamente lembrar dos sonhos, que são meu combustível para seguir no caminho, fortalecendo o corpo e a mente.

Mentalidade Vencedoras 3º Pilar

Esta imagem, que retirei da Fanpage do Instituto Geração de Valor, reflete exatamente isso que estamos falando. 

Se você não conhece o GV, mantido pelo Flávio Augusto, um dos maiores empresários do Brasil e também do mundo, recomendo demais que acompanhe o seu trabalho. 

Sua biografia, missão e mentalidade, na minha humilde opinião, realmente inspiram e auxiliam nesse processo de construção de uma mentalidade vencedora!

Tudo isso parece básico demais não é mesmo? Só que muitos dos erros em um programa de treinamento tem como origem uma mentalidade fraca, e levam à desistência dos seus sonhos.

Quando eu falo em sonho, é de fato algo que você queira muito e isso significa fazer o que for necessário para alcançá-lo. Significa fazer exatamente o treinamento que o seu professor orientar, comer o que tiver que comer e ponto final.

Você fala essas frases frequentemente? Então me desculpe a sinceridade, você não tem um objetivo definido, de verdade, e precisa urgentemente modificar este comportamento.

Nem tudo são rosas, nem sempre fazemos só as coisas que mais gostamos, às vezes é preciso fazer também o que necessitamos.

Acostume-se e incorpore esse pensamento na sua vida como um todo.

Um detalhe importante em relação à preferências: às vezes nem sabemos que gostamos de algo até fazermos pela primeira vez. Garanto que já aconteceu isso com você em algum momento.

Então experimente coisas novas, se possível todos os dias, mude os hábitos que te prejudicam, viva a vida em toda sua plenitude física e mental…

Comunidade Forte 4º Pilar

4º pilar: Comunidade Forte

Por que trabalhar em conjunto nos treinamentos é a vitória? O que seria a comunidade forte? Conheça um dos pilares mais importantes para se obter sucesso!

Planejamento Concreto 1º Pilar

1º pilar: Planejamento Concreto

“Os guerreiros vitoriosos vencem antes de ir à guerra. Os derrotados vão à guerra e só então procuram a vitória.” Sun Tzu – E você, qual quer ser?

Métodos de Treinamento 2º Pilar

2º pilar: Métodos de Treinamento

Nesse universo de métodos de treinamento, qual é o melhor? Qual proporciona resultado mais rápido? Passando a régua no assunto, por que sua saúde e objetivos dependem disso!

Deixe sua opinião: